Agarre-se à Sua Confiança | World Challenge

Agarre-se à Sua Confiança

David WilkersonFebruary 22, 2010

“Não lanceis fora, pois, a vossa confiança, que tem uma grande recompensa. Porque necessitais de perseverança, para que, depois de haverdes feito a vontade de Deus, alcanceis a promessa. Pois ainda em bem pouco tempo aquele que há de vir virá, e não tardará.”

“Mas o meu justo viverá da fé; e se ele recuar, a minha alma não tem prazer nele. Nós, porém, não somos daqueles que recuam para a perdição, mas daqueles que crêem para a conservação da alma” (Hebreus 10:35-39).

Esses versículos foram endereçados a alguns dos cristãos mais atormentados, testados e sofridos da terra. Esses queridos santos tinham caminhado fielmente no temor de Deus. Haviam se arrependido, e aguardavam a vinda do Senhor. Conheciam Cristo como Sumo Sacerdote e tinham vivido em plena certeza da fé. E estavam firmes no Senhor. Tinham mantido o testemunho sem vacilar. Eles confiavam em Deus pois “fiel é o que prometeu”.

Esses santos também tinham no coração todos os alertas contra a apostasia. Eles sabiam que os crentes que pecam intencionalmente após receberem o conhecimento da verdade, poderiam cair e serem “devorados pelo adversário”.

Sabiam que isso era parte importante da fé, pois desde o início tinham sofrido perseguição terrível. Foram “objetos de ridículo”, suportando censuras. Sofreram todos os tipos de aflições. Suas reputações não foram apenas destruídas pelos ímpios, mas suas propriedades foram confiscadas, e foram atacados pela pobreza. Finalmente, seu líder foi atirado na prisão, deixando-os sem pastor.

O que estava acontecendo que esses cristãos estavam sofrendo de forma tão terrível?

 

Todas essas terríveis adversidades vieram àqueles cristãos imediatamente “após serem iluminados”. Foi quando “suportaram grande combate de aflições” (Hebreus 10:32). Pense sobre essa sentença: ela vai de encontro à toda doutrina moderna de prosperidade e de um andar com Cristo sem dor.

Você pode perguntar, “Por que alguns cristãos parecem ter vida fácil? Conheço pessoas que aparentemente parecem não sofrer nunca. Elas só prosperam. Sempre parecem felizes, como se não tivessem problema algum”.

De fato, ao olhar para tais cristãos, você pode pensar, “O que há de errado com comigo? Por que tenho tido de suportar dificuldade atrás de outra desde que me dei por inteiro a Jesus? Quando eu era frio e morno na fé, tudo ia bem. Não sabia que tamanhas adversidades existiam até que me tornei sério com Deus”.

Sua resposta está contida nesse versículo: “depois de serdes iluminados” significando, “depois que vocês viram a luz”. Foi depois de abrir sua vida a Jesus e ser inundado por Sua luz que suas grandes lutas de aflições começaram.

Veja, Satanás nos ataca de acordo com a medida de luz que recebemos e na qual caminhamos. Aqueles que caminham em pequeno raio de luz não são ameaça ao reino do Diabo. Ele aponta sua “grande luta de aflições” àqueles que amam a luz, que abraçam a tudo o que Cristo tem para eles.

Tais santos não têm parte nas trevas. Eles se agarraram a uma fé que os tornou “persistentes”; se tornaram soldados que caminham em plena certeza de fé. No entanto, por causa dessa fé se tornaram alvos dos malignos ataques do inferno.

O inimigo vem como enxurrada contra soldados assim

Satanás pode fazer parecer como se tudo na vida deles estivesse desmoronando: suas orações parecem impedidas, os céus parecem duros como metal e eles sofrem aflições por todos os lados. Em tais horas, seus corações podem lhes cochichar condenação:

“Te falta fé. Se ao menos você cresse e fosse mais correto – se fosse mais próximo de Jesus, se seus pensamentos não fossem tão malignos – nada disso estaria acontecendo contigo. Você estaria nas alturas, igual àqueles à sua volta. Você gozaria de abundância e ouviria a Deus claramente”.

Não é assim! Esses hebreus que estavam sob ataque tinham uma convicção genuína que os aproximou de Deus “em plena certeza de fé”. Em verdade, essa epístola é endereçada a eles chamando-os “santos irmãos” (Hebreus 3:1). O escritor sabe que há uma guerra que busca ganhar o coração deles em meio a grande aflição.

Simplificando, o objetivo principal de Satanás é extinguir a luz, escurecê-la, apagá-la. Mostre-me um cristão que de repente sai da escuridão espiritual, está ardendo na luz de Cristo, em Sua santidade e pureza - e lhe mostro alguém que está enfrentando a luta mais terrível de sua vida.

Isso descreve você? Você está suportando uma grande luta nesse momento? Amado, provavelmente isso não é por causa da dúvida ou do pecado, mas por causa da luz que você abraçou. Luz produz confiança em Jesus. E quanto mais luz você recebe, mais você confia nEle. É a sua confiança em Cristo que Satanás está determinado a arruinar. Ele apontou as forças do inferno para arrastá-lo ao medo e à incredulidade.

O escritor de Hebreus detecta exaustão e impaciência agindo lentamente nesses crentes

Para enfocar esse desgaste o escritor diz a esses cristãos, “Porque necessitais de perseverança, para que, depois de haverdes feito a vontade de Deus, alcanceis a promessa” (Hebreus 10:36). Ele identificou a arma mais eficaz de Satanás contra os que se cansam de fazer o bem : impaciência com Deus.

Eis aqui como funciona. Após um longo período de aflição, o Diabo planta o pensamento: “Deus sabe que você confiou Nele. Você tem sido fiel até agora. Você jamais duvidou de Sua disposiçao e habilidade em ajudá-lo. Então, onde está Ele depois de todo esse tempo? Por que Ele não te ajuda? É assim que Ele responde à fidelidade de Seus servos?”.

Aparentemente, a paciência desses santos irmãos estava se esgotando. A luta diária por si só era dura o bastante. Agora se arrastava continuamente, sem fim à vista.

Esse é exatamente o tipo de estratégia que Satanás usa contra muitos queridos santos hoje: ele implanta impaciência com Deus. Ele diz que o Senhor não irá suprir a sua necessidade – que você viverá como cristão de segunda categoria, abatido e sozinho a vida toda. Ele acusa, “Você vai perder o emprego. Vai perder a casa. Toda a sua oração e confiança serão em vão. É obvio que você fracassou na fé. Chegou a hora de você desistir e voltar atrás”.

Pense no que o escritor de Hebreus está dizendo a esses santos em sofrimento

Que mensagem se poderia enviar à pessoas atoladas em profunda aflição. Eles haviam perdido todas suas propriedades e posses. Tinham suportado aflição, enfrentando enorme luta por período muito longo. Agora estão ouvindo de alguém em autoridade, “Falta-lhes paciência. Apenas creiam e esperem. A promessa está chegando”.

Não sei quanto a você, mas não posso culpar alguns desses crentes se eles fossem tentados a dizer, “Eu? Preciso de paciência? Aguentei tudo isso sem reclamar. Fui chutado, pressionado, atropelado, surrado, humilhado. Minhas economias se foram. A minha casa se foi. Estou tendo de viver pela generosidade dos meus amigos, e eles não estão em boa forma também. Apesar de tudo isso, suportei cada batalha com alegria tranquila e confiante. Então, o que você quer dizer com ‘eu preciso de paciência’?”.

Paciência piedosa é a disposição de esperar pelo tempo de Deus. Existe essa coisa do tempo do Espírito Santo. “Pois em bem pouco tempo aquele que há de vir virá, e não tardará” (Hebreus 10:37). Esse versículo fala mais do que só da segunda vinda de Cristo. É referente também a vinda de Cristo para ir de encontro à sua necessidade.

O fato é que não existe esse negócio de Deus se atrasar. Maria e Marta tinham pensado que Jesus se atrasou quando seu irmão Lázaro morrera. Elas disseram, “Senhor, se estiveras aqui, não teria morrido meu irmão” (João 11:21). Em outras palavras: “Jesus, o Senhor chegou muito tarde. O Senhor perdeu o prazo”.

Imagine quão ferido o Senhor deve ter ficado por isso. Em essência Ele lhes respondeu, “Não, não Me atrasei. Lázaro se levantará novamente. Eu estou aqui, e Eu sou a ressurreição. Toda vida está em Mim”.

Os familiares de Jairo também acharam que Jesus estava atrasado. Esse homem proeminente foi avisado “Tua filha já morreu; por que ainda incomodas o Mestre?” (Marcos 5:35). Mais uma vez a mensagem foi “Jesus se atrasou. Está tudo acabado. Ele não respondeu a tempo. Ele nos decepcionou”.

Muito tarde? Não existe isso com nosso Senhor! Você pode ser tentado a desistir de lutar e afundar em desespero. Mas nosso Pai é tão cheio de amor por Seus filhos que não pode ser impedido de produzir algo a partir do nada.

Desespero e angústia profundos podem chegar a Jesus vindos daqueles por quem Ele mais zela

Maria e Marta tinham lançado fora a confiança. Os da casa de Jairo também tinham lançado fora a confiança. Todos eles acusaram Jesus de estar atrasado e desinteressado.

Ainda assim, tudo que Lhe custou foi uma palavra, “Levante!” e tudo mudou em um instante. Isso é tudo que sempre custa ao Senhor. Ele profere uma palavra e de repente tudo é transformado. Então aí Satanás precisa soltar suas garras, a morte foge, vida floresce, e as promessas do céu irrompem por todos os lados.

Amado, não importa o que você esteja passando, tudo o que o Senhor precisa fazer é proferir uma única palavra e os demônios são dispersos. A criação treme. De repente, a resposta que você procura está sobre você. Então, você pergunta, por que o Senhor ainda não lhe respondeu? Por que o sofrimento ainda persiste? Por que parece tudo tão sem esperança para alguns dos mais santificados dentre o povo de Deus?

Tudo o que sei é o seguinte. Em tais crises, o povo de Deus ou cresce em confiança, ou recua e lança fora sua confiança. “E se ele recuar, a minha alma não tem prazer nele. Nós, porém, não somos daqueles que recuam para a perdição, mas daqueles que crêem para a conservação da alma” (Hebreus 10:38-39).

O Senhor está resolvido a nos esvaziar de toda confiança na carne, deixando-nos com total confiança nEle

Se formos honestos, vamos admitir que freqüentemente colocamos nossa confiança em outras pessoas durante nossa hora de grande necessidade. Procuramos pastores, conselheiros, amigos, cônjuges para nos dar respostas. Gastamos horas, dias, semanas, tentando descobrir como nosso problema pode ser resolvido. E se uma solução não chega logo, continuamos manipulando, trabalhando cada ângulo, até que todos os recursos humanos sejam esgotados.

Sempre ouço cristãos dizerem, “Se ao menos esse negócio desse certo”. Ou, “Se ao menos fulano me enviasse uma palavra. Só preciso é de um tempo”.

Graças a Deus por toda ajuda dos outros, mas não devemos procurar um anjo ou um barco salvador. Paulo declara, “Nos gloriamos em Cristo Jesus, e não confiamos na carne” (Filipenses 3:3). É pelo bem de nossa alma que Deus espera até que olhemos além dos recursos humanos e busquemos somente a Ele por ajuda. Ele realmente usa pessoas em nossas vidas, mas devemos deixá-Lo orquestrar isso.

“Melhor é buscar refúgio no Senhor do que confiar no homem” (Salmos 118:8). “Não creiais no amigo, nem confieis no companheiro... Eu, porém, olharei para o Senhor e esperarei no Deus da minha salvação; o meu Deus me ouvirá” (Miquéias 7:5 e 7).

Paulo sabia bem a respeito da fragilidade da carne. Ele admitia que não era esperto. Seus críticos chamavam sua pregação de desprezível, sua presença, de insignificante – em suma, diziam que ele era chato. Mas Paulo não tinha problema algum com tais críticas, pois não confiava em sua carne. Ele sabia que Jesus não lutara Suas batalhas com esperteza, habilidade ou carisma, mas com toda confiança no Pai.

Paulo disse aos Coríntios, “Não vou até vocês com confiança ou coragem falsas vindas da carne; não apresentarei isso a vocês. Pois, embora andemos na carne, não guerreamos na carne”.

Em outras palavras: não precisamos que nossa auto-suficiência seja construída. Não precisamos estar reforçados por elogios. Todas as habilidades humanas do mundo não destruirão uma única fortaleza sequer de Satanás. “A fim de que ninguém se vanglorie na presença de Deus” (1 Coríntios 1:29).

Há uma promessa gloriosa em Hebreus 3:14 a todos os que se agarram firmemente à confiança em Jesus

Esse versículo diz, “Porque nos temos tornado participantes de Cristo, se, de fato, guardarmos firme até o fim, a confiança que, desde o princípio, tivemos”. O significado aqui é: quando mantemos uma confiança inabalável no Senhor, Ele se torna a nossa única genuína fonte de suprimento. Não precisamos procurar em nenhum outro local.

“Meu Deus suprirá todas as vossas necessidades segundo as suas riquezas na glória em Cristo Jesus” (Filipenses 4:19). A promessa a nós é: “Em Cristo estão todas as riquezas de glória. Nele está toda a plenitude. Tudo que você precisa para a vida e para a piedade Deus lhe deu em Jesus, o seu suprimento total”.

Poucos cristãos duvidam que Jesus é tudo de que precisam; mas nem sempre possuem confiança e segurança de que lhes dará o que precisam. Amado, vou compartilhar apenas alguns lembretes maravilhosos da preocupação do Senhor para com você:

Ele sabe tudo sobre as suas necessidades pessoais. “Porque o vosso Pai sabe o que vos é necessário, antes de vós lho pedirdes” (Mateus 6:8).

Ele verdadeiramente se preocupa com você; e é tocado pela sua necessidade. “Lançando sobre ele toda a vossa ansiedade, porque ele tem cuidado de vós” (1 Pedro 5:7). O significado em grego aqui é, “é importante para Ele”. Isso pode ser difícil de compreender no meio de sua longa aflição. Mas mesmo nesse momento Deus está tendo grande interesse em cada assunto tocando sua vida: emprego, família, filhos, relacionamentos, saúde. É verdadeiramente da conta Dele; importa grandemente a Ele.

“Não lanceis fora, pois, a vossa confiança, que tem uma grande recompensa” (Hebreus 10:35). Deus diz, “Agarre-se à sua confiança, pois Eu recompenso”. Em termos simples: “Vale a pena se manter firme”. “Sem fé é impossível agradar a Deus; porque é necessário que aquele que se aproxima de Deus creia que ele existe, e que é galardoador dos que o buscam” (Hebreus 11:6).

Você quer verdadeiramente dar prazer a Cristo? Então entregue a Ele toda a sua confiança. Agüente firme e não vacile. E lembre-se da promessa Dele a você:

“Mas o meu justo viverá da fé; e se ele recuar, a minha alma não tem prazer nele. Nós, porém, não somos daqueles que recuam para a perdição, mas daqueles que crêem para a conservação da alma” (Hebreus 10:38-39).

Download PDF