CREIA NA PROMESSA DA VITÓRIA | World Challenge

CREIA NA PROMESSA DA VITÓRIA

David Wilkerson (1931-2011)June 7, 2019

Deus determinou-se a cumprir o seu propósito para a terra através de homens. Uma das passagens mais encorajadoras da Bíblia é 2 Coríntios 4:7: “Mas temos esse tesouro em vasos de barro, para mostrar que este poder que a tudo excede provém de Deus, e não de nós”. Paulo descreve estes vasos de barro – homens abatidos, pressionados, perplexos, perseguidos e humilhados.

Deus nunca usa o nobre e o forte, mas, ao contrário, usa as coisas frágeis desse mundo para confundir o sábio. “Irmãos, pensem no que vocês eram quando foram chamados. Poucos eram sábios segundo os padrões humanos; poucos eram poderosos; poucos eram de nobre nascimento. Mas Deus escolheu as coisas loucas do mundo para envergonhar os sábios, e escolheu as coisas fracas do mundo para envergonhar as fortes... para que ninguém se vanglorie diante dele” (1 Coríntios 1:26-29).

A fraqueza sobre a qual Deus fala é a incapacidade humana de obedecer aos seus mandamentos com as suas próprias forças. A Palavra registra uma longa relação de pessoas que amaram a Deus e foram grandemente usadas por ele, porém, foram quase reduzidas a pó por suas fraquezas:

  • Isaías, o grande guerreiro de oração, era um homem como qualquer outro, fraco e ferido.
  • Davi, o homem de acordo com o coração de Deus, era um assassino adúltero que não tinha qualquer moral para receber qualquer bênção de Deus.
  • Pedro negou o próprio Deus dos céus – amaldiçoando aquele que mais o amou.
  • Abraão, o pai de nações, viveu uma mentira, usando a sua esposa como penhor para salvar a sua pele.
  • José insultou os seus irmãos com um contentamento imaturo – até que isso quase feriu a ele mesmo.

Você falhou? Permita que o seu coração aceite todas as promessas de vitória em Jesus. Então, permita que a sua fé diga ao seu coração: “posso não ser o que eu gostaria, porém, Deus está agindo em mim e serei como o ouro refinado. Entrego tudo aquele que é capaz de me livrar de cair e me apresentar sem culpa diante do trono de Deus – com grande alegria!”

Download PDF